Realmente está insuportável abrir o YouTube ultimamente. 


A todo momento nos deparamos com um fedido com cara de especialista em nada vendendo a fórmula mágica da prosperidade ou o mapa certeiro para "ficar rico".


Isso sem falar de dicas mirabolantes e recomendação de estilos de vidas que somente um lunático vagabundo e preguiçoso cogitaria tentar seguir na prática. 



Hoje qualquer um com um smartphone e 600 reais na mão encomenda um vídeo chulé e posta nos comerciais do YouTube uma torrente de chorume, de investimentos na bolsa até vampirismo quântico para "ficar rico".


Um dramin por favor!


Dentre todas as falácias que mais DETESTO a mais fedida e intragável é: "você não é rico pq não quer! Você não economiza! Você tem que ser minimalista".


É uma das maiores idiotices que vemos hoje o besteirol de "viver no modo minimalista ".


Quando escuto ou leio essa palavra repetida por esses canastrões  que estão muito acima da maioria da população que recebe salário mínimo ou menos, só consigo lembrar de quando era muito novo e fiquei doente por trabalhar muito e receber tão pouco que nem conseguia comprar o almoço do dia.


O problema é que a maioria da população é "minimalista" involuntária ou minimalista de subsistência. 




Lembro de quando ganhava salário mínimo, era cruel. 



Quase destruí minha saúde física e mental para conseguir "melhorar de vida", isso é desumano pq ter uma vida digna deveria ser o básico para todos os humanos, ainda mais na nossa época "tão avançada tecnológicamente". 


Se for pra ser minimalista então se vc recebe 5 mil reais, então viva com mil e doe os outros 4 mil para quem não recebe nada. 


Att Gerson Ravv