Para Pensar #7: automação extrema do trabalho - blockchainsupertrader.com by Gerson Ravv

Tudo sobre TI-trabalho-dinheiro-mercado de trabalho-sistema-operacionais-computação e muito mais!

Novidades:

Post Top Ad

25 de jun. de 2020

Para Pensar #7: automação extrema do trabalho

Prevejo que em poucas décadas  99% as pessoas vão brigar por um emprego braçal simples.
Com o desenvolvimento da IA e hiperconexão, a automação já está destruindo empregos da área tecnológica que ninguém acreditava que seriam assumidos por máquinas.

Hoje, ao definir umas poucas regras, qualquer leigo com alguns clicks cria um aplicativo ou software simples em ferramentas novas que substituem um programador, claro que para sistemas complexos usar essa ferramenta não é viável por enquanto, mas com a velocidade de tudo, em questão de anos os programadores serão descartados também.

Suporte, service desk e atendimentos de call center telefônico  e chat já podem ser assumidos 100% por máquinas inteligentes. 





E para manter essas máquinas inteligentes basta um homem apenas para controlar remotamente dando manutenção ou aprimoramento periódicos. 

Por um lado isso é ótimo pois libera de atividades tediosas as pessoas, mas com isso vem o desemprego em massa, e não, não serão criados novos empregos. Como dito acima, para manter uma máquina inteligente que faz o trabalho de 5 mil pessoas, basta apenas uma  pessoa devidamente capacitada.

Enfim, as atividades braçais simples que envolvem a limpeza de sujeira em objetos delicados ou locais "sensíveis ", o preparo de alimentos e outras atividades simples que não justificam o emprego de máquinas caras, serão procuradas por esses novos desempregados do setor tecnológico piorando mais ainda os índices de desemprego.

Até entregadores e motoristas serão trocados por máquinas. 

Prevejo multidões de catadores de reciclados nas ruas disputando uma garrafa pet vazia. E todos com uma graduação técnica, conhecimentos em programação  ou formação  acadêmica da área tecnológica. 

Att Gerson Ravv 


13 comentários:

  1. É isso que me preocupa a cada dia.

    Infelizmente vejo gente na internet dando risada e comemorando a automação de alguns setores, esses dias eu vi um cara comemorando o fim dos caixas em supermercados, achei bacana a comemoração e fiquei pensando em como ele vai se sentir quando o serviço dele for o automatizado.

    Abraços,
    Pi.
    https://poupadordointerior.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Só existe uma maneira de evitar o desmprego recorde, diminuir a carga semanal de trabalho.

    ResponderExcluir
  3. Renda básica universal é a salvação

    ResponderExcluir
  4. Estamos colhendo os frutos da tecnologia, ela é boa mas é preciso muita reimaginação e planejamento do lugar do ser humano nesse novo mundo, imagina como a coisa vai ta feia no Brasil q já é um pais atrasado q só importa tecnologia dos outros e investe pouco em ciencia e tecnologia, em breve teremos 8, 9 bilhões de seres humanos, grande parte do serviço cada vez mais sendo realizado pela maquina, a tecnologia facilitou tanto a nossa vida que o jovem de hoje em dia esta cada vez mais preguiçoso, consumindo videos futeis em Youtube e TikTok derretendo o cerebro com merda mal sabendo a luta pelo emprego q nos espera, Black Mirror já se faz presente

    ResponderExcluir
  5. Nem me fale quando penso a respeito disso bate uma depressão uma agonia. Não era para ser assim nosso mundo tem recursos para todos viverem dignamente. É triste. Se Deus existir que venha e acabe com isso logo

    ResponderExcluir
  6. Acho que você exagerou na blackpill nesse artigo, Gerson. O que aconteceu para você mudar de opinião em relação ao outro texto que você fez sobre IA?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Meu amigo, estouacompanhando de perto esse tipo de automação extrema, no meu setor estão implantando um sistema inteligente que vai substituir até 98% dos humanos que fazem a atividade que meus colegas e eu fazemos na instituição, corrige corrige códigos sozinho, faz planejamentos de substituição de hardwares e testa de 5 em 5 minutos a interação software/hardware, o negócio é tão incrível que ele mesmo despacha ordens de troca de hardware para o estoque e agenda as visitas dos engenheiros! Loucura total. Já estou mandando currículo para outras áreas. É o fim.

      Excluir
    2. Entendi. Só não acho que vai ser da maneira como você descreveu aqui. Vou até escrever sobre isso em meu blog com mais detalhes, mas acho que não dá para a realidade ficar assim de "todo mundo virou mendigo" porque senão não haveria mais mercado consumidor - as empresas robotizadas iriam vender para quem, se ninguém tem dinheiro? Iam vender umas para as outras? Então dinheiro não existe mais, voltamos para o escambo, ou então dinheiro virou apenas um fetiche estranho dos empresários e não teria mais valor intrínseco para a sociedade como um todo...
      De qualquer maneira, o que podemos ir fazendo é estudar, cuidar da saúde e construir nosso patrimônio da melhor maneira possível, e irmos nos aperfeiçoando. Você está cuidando da saúde, tem seu patrimônio, recebe aluguéis e, pelo que entendi, tem alguma terra. Num cenário apocalíptico como o que você descreveu, você estaria melhor que a maioria, pois poderia cultivar sua terra, criar animais de pequeno porte, etc. Além disso, por você ser da área de TI, você está vários passos adiante de todo mundo que não é da área. Se você estudar para desenvolver IAs, apps, etc. já tem um ponto de partida mais avançado que o de muita gente.
      Eu já tive momentos de depressão que nem este que você está passando, prevendo cenários terríveis por causa de IA e machine learning, mas não adianta. Tudo isso está fora de nosso controle, exceto pelo que falei acima: nosso estudo, nosso patrimônio, e nossa saúde.
      Pense nisso. Fica com Deus.

      Excluir
    3. Ah esqueci de dizer, minha análise é que esse cenário ocorra daqui uns 70 ou 80 anos man, ainda mais aqui no Brasil que sempre pega o fim da onda vai demorar mais. Nem vou pegar essa época aí. Não estou com de pressão não, só estou analisando o que vejo no meu dia a dia de trabalho e estimando os possíveis impactos dessas tecnologias no futuro.

      Excluir
    4. kkkk em 70 anos acho que nem vai mais ter ser humano, do jeito que as coisas estão andando

      Excluir
  7. Penso a mesma coisa.
    Quanto mais clicks precisarmos dar nas máquinas, melhor!
    E a cada click retirado, é bom aumentar a preocupação.

    ResponderExcluir
  8. Acredito que as pessoas irão para outras áreas naturalmente, mas como sempre, os mais pobres, iletrados e sem visão do horizonte, serão os mais prejudicados, ao mesmo tempo, como são os mais acostumados a estrema miséria, serão os que se adaptarão mais facilmente a nova realidade. Os que ficarem nas grandes cidades, será isso mesmo que você escreveu.

    Como alguns terraplanistas estão falando, a melhor coisa será fugir de volta para roça.

    Abraços!

    ResponderExcluir

Obrigado por ler o blog! Obrigado por comentar! Show! Compre um dos meus ebooks na Amazon: "Merda Total!" e "Livro Supremo do Analista de Suporte". Att Gerson Ravv

Post Top Ad

Your Ad Spot