O carinha da área de humanas - blockchainsupertrader.com by Gerson Ravv

Tudo sobre TI-trabalho-dinheiro-mercado de trabalho-sistema-operacionais-computação e muito mais!

Hot

Post Top Ad

terça-feira, 19 de abril de 2016

O carinha da área de humanas

A área de humanas: seus professores bizarros e matérias vermelhas  

Já estive matriculado num curso de HUMANAS (letras e literatura): na época, foi o único curso que dava para levar, mas... meu grande sonho e "vocação" sempre foi aprender computação.

Muitos antes de sonhar com vestibular eu já ficava horas brincando com o antigo DEV++ tentando fazer e compilar  exercícios de programinhas de livros que tratavam da linguagem C e C++. Eu também lia e estudava muito a Teoria dos Conjuntos de Cantor.

Sempre fui viciado em leitura e com apenas 14 anos já tinha zerado várias prateleiras da pequena biblioteca municipal do meu bairro (hoje fechou e abriram um puteiro no lugar...); agora, quando posso frequento a nova biblioteca que agora está bem maior, informatizada e com muito mais livros.

Tirava de letra todas as matérias do curso, adorava gramática, linguística,Latim, literatura nacional e inglesa,  porém, na grade tinham matérias relacionadas ao magistério que do começo ao fim, eram PURA LAVAGEM CEREBRAL COMUNISTA: KARL MARX era pintado como DEUS, LÊNIN como seu messias, GRAMSCI era apóstolo e aqui no Brasil, o PAULO FREIRE e seu método chulé de alfabetizar era um santo, um guru dos professores...  

Você é comunista? Então compartilha 
comigo seu salário, sua mulher, namorada,
 carro e cartão de crédito! 

E o pior, era que os professores dessas matérias eram todos formados na PUC, USP e FEDERAIS foderásticas: tudo filhinho de papai, alguns eram filhos de fazendeiros, industriais e banqueiros, geralmente são aqueles filhos e filhas considerados "as ovelhas negras da família" que apesar de terem escolhido a carreira de professor e abraçado a ideologia socialista-comunista, não deixavam de RECEBER SUAS MESADAS DO PAPAI RICO, suas % como filhos de magnatas e sócios minoritários... 

Tinha um professor que dizia abertamente: "recebo do meu pai todo mês meus 25% referentes às fazendas de soja e cabeças de gado dele, trabalho só para difundir o socialismo mesmo nessas suas cabeças ocas de analfabetos políticos".



Cursei os 4 anos normalmente, mas faltando apenas 2 meses para finalizar a graduação, consegui um emprego melhor e abandonei o curso pois sabia que com um diploma daquele curso só conseguiria emprego de professor: eu? professor! Tive péssimas impressões quando estagiei de professor de literatura nessas escolas fedorentas de bairros mais ferrados que o meu e numa dessas, um aluno maloqueiro atirou um livro em minha cabeça e outra: a molecada não respeita ninguém, não gostam de ler  e muito menos de estudar, para que eu ia dar aula então???  

Com o novo emprego, consegui entrar numa faculdade TOP da área da computação e aliviado, parei de ter pesadelos com salas de aulas infestadas de maloqueiros preguiçosos. 

Tenho um ex-colega que de vez em quando trombo com ele aqui pela ruas do bairro: o cara seguiu a chulézenta carreira acadêmica e hoje, com mais de 30 anos O CARINHA DA ÁREA DE HUMANAS só vive de bolsa em bolsa de pesquisa (inúteis), sustentado pelo governo, lambendo botas de professores velhos e fazendo pesquisas inúteis sobre algum autor obscuro da literatura nacional ou estrangeira, pobretão e ferrado, vive escrevendo calhamaços de monografias QUE NINGUÉM VAI LER E QUE NÃO SERVEM PARA NADA...     

Att Gerson Rav

5 comentários:

  1. Foda, O pior é que muitos não se consideram socialistas, mesmo dando bom dia para Marx e boa noite para Lenin.
    Se acham superiores e paladinos do conhecimento político, mas desconhecem o outro lado e quando são apresentados ficam furiosos ou fogem.

    Enfim, eu poderia passar a vida toda escrevendo o quando esse pessoal que defende ideologias vermelhas são vermes, mas deixa pra lá. Não estou ganhando um puto com isso.

    Computação pode ser ruim, mas não é pior do que qualquer licenciatura ou administração e direito. hahahah

    Abraços!!

    ResponderExcluir
  2. O que espanta é como eles ignoram o lado sangrento das ditaduras vermelhas. Conheço vários colegas que preferem parasitar vivendo de bolsas que produzem pesquisas inúteis: do ponto de vista econômico e de desenvolvimento, um moleque vendendo bala no semáforo é mais produtivo e útil que essas carniças com camisetinhas do Guevara em eternos mestrados e doutorados. Abraços e força lá no trampo! Aguenta firme man!

    ResponderExcluir
  3. Ontem estava tão pregado por causa do calor quando cheguei do trampo que nem deu para escrever uma postagem (minha meta era escrever um texto por dia), minha serotonina bugou mais cedo do que eu esperava! kkkkkkkkkkkkk! E olha que escrever pra mim é tão divertido quanto ler ou jogar uma partida de game online. Hoje se eu conseguir vou postar sobre meu micro-empreendimento e minhas impressões e incentivos para quem deseja largar o trampo formal e empreender.

    ResponderExcluir
  4. Bom post. Pq vc nao termina esses dois meses só pra pegar o diploma? pode ser útil para algum concurso ou em caso de ir pra cadeia kkkkk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Valeu man, mas o problema é que tranquei o curso já faz mais de 7 anos e então, perdi todos os semestres e teria que começar do primeiro e depois: não suporto mais salas de aulas, trabalhos e estou quase caindo fora do curso de ADS. Abraços!

      Excluir

Comentários liberados, porém, se exagerar e postar discursos de ódio, preconceitos e spam vai levar bam! Att Gerson Ravv

Post Top Ad

Your Ad Spot